09h00 às 12h00 Onda Mix

11/01/2017

Taylor Swift quer que sua mansão seja considerada um 'monumento'

A casa foi construída por Samuel Goldwyn em 1934 e já foi habitada por Charlie Chaplin e Clark Gable

Compartilhe

A cantora Taylor Swift quer que a sua propriedade adquirida em 2015 por 26 milhões de dólares (83 milhões de reais), seja reconhecida como um monumento histórico.

Construída em 1934 por Samuel Goldwyn, a mansão já teve como inquilinos Charlie Chaplin, Marlene Dietrich e Clark Gable, tendo sido posteriormente comprada pela cantora por um valor bastante abaixo do que era inicialmente pedido pelos Goldwyn.

Taylor Swift chegou a escrever uma carta à comissão cultural de Beverly Hills onde fez o pedido de maneira formal.

Se o pedido da cantora foi aceito, a mansão não só ganha a designação de um monumento histórico como terá uma melhor preservação e um valor de mercado bastante superior aquele que possui atualmente.

© 1999-2018 ONDA SUL - A RÁDIO DO SUL DE MINAS. TODOS OS DIREITOS RESERVADOS.

BY MEDIAPLUS